Você se permite fazer pausas?

Hoje é quarta feira e dia de… trazer o filho para a aula de violão.
O horário que conseguimos vaga? Quarta às 3 da tarde!!! 🙃Ou seja, preciso parar meu trabalho e quebrar o fluxo do meu dia por isso.

No início, de forma inconsciente, eu aproveitava os 30 minutos de duração da aula dele para ir correndo ao supermercado, aos correios ou para olhar alguma pendência na rua. Isso tudo para quê? Para não ficar com aquela sensação de que eu estava “perdendo tempo na vida”.
Até que percebi, depois de algumas semanas, que o acúmulo de atividades é que era um verdadeiro desperdício.

Sim, um desperdício de tempo e da minha energia. Eu sempre voltava para buscá-lo, depois de 30 minutos de aula, bufando e estressada pq obviamente não conseguia fazer tudo que me propunha naquele curto espaço de tempo.

Foi então que resolvi me dar de presente estes 30 minutinhos. Fico aqui sentadinha na sala de espera. As vezes leio um livro, as vezes medito, escuto algumas músicas, escrevo posts como este ou simplesmente penso na vida e converso com meus botões.

E então aquele momento do dia que me estressava e me angustiava, agora virou um momento de reconexão, de paz e de prazer por poder estar na minha própria companhia. 💙
E você? Você se permite fazer pausas?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Maila Couti

Maila Couti

Eu gosto de experimentar a vida e o mundo. E gosto de fazer o exercício da escrita para deixar registrado o que aprendo no papel.

Vamos conversar?